Práticas e táticas: Michel de Certau (re) inventa o cotidiano

Benito Bisso Schmidt

Resumo


Neste artigo analizarei a contribuição do historiador Michel de Certeau para o estudo da história do cotidiano a partir de sua obra L'invention du quotidien, de 1980. Abordarei as seguintes questões: a forma de resgate analítico do cotidiano, a lógica das práticas do dia-a-dia, o estatuto epistemológico da linguagem comum e a dimensão política da vida cotidiana. Tentarei também situar as balizas epistemológicas norteadoras da obra desse autor.

Palavras-chave


Michel de Certeau; Nova História; Cotidiano.

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2014 BIBLOS



PROPESQ PROPESQ  PROPESQ  PROPESQ PROPESQ  PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ