Método Húngaro e alocação de recursos zootécnicos

Kleber Régis Santoro, Doherty Andrade

Resumo


O método húngaro de otimização e programação inteira é revisitado. Um exemplo de aplicação é apresentado e são feitas sugestões de utilização no campo da administração de recursos zootécnicos. Concluiu-se que o método é de grande utilidade em vários tipos de problemas, mas que erros podem ser cometidos caso não sejam observadas as condições de aplicações e os dados coletados a serem utilizados pelo método.

Palavras-Chave: método húngaro, programação inteira, otimização de recursos, administração de recursos.



Vetor, ISSN Impresso: 0102-7352, E-ISSN: 2358-3452, Rio Grande - RS. Brasil.