DETERMINANTES DO TEMPO MÉDIO DE SUBSTITUIÇÕES NO FUTEBOL: UMA ANÁLISE DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE 2014

Claudio Djissey Shikida, Ari Francisco de Araujo Jr., Rafael Canuto Neves

Resumo


Este estudo analisa os padrões da primeira substituição de jogadores de cada time durante o intervalo ou o segundo tempo de jogos na primeira divisão do Campeonato Brasileiro de 2014. Foram usados modelos MQO (Mínimos Quadrados Ordinários) e Tobit, ambos com correção para heterocedasticidade. Os resultados mostram que times que estão ganhando tendem a fazer a primeira mudança nos momentos finais da partida. Consequentemente, substituições defensivas ocorrem antes das ofensivas. Também existem evidências de que a classificação no campeonato de ambas as equipes em campo tem influência no momento em que a alteração ocorre.

Palavras-chave


substituições; economia dos esportes, campeonato brasileiro de futebol

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.17648/sinergia-2236-7608-v23n2-8840

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


SINERGIA, ISSN eletrônico: 2236-7608 / ISSN impresso: 0102-7360, Rio Grande, Brasil

.......

Indexadores

PROPESQ PROPESQ Genamics JournalSeek PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ PROPESQ AmeliCA