<b>Ação Interpessoal permeando fronteiras organizacionais – verificação da aplicabilidade no Brasil de uma ferramenta Norte-Americana de pesquisa</b>

Autores

  • Eduardo Augusto Benedeti da Silva Siqueira
  • Alexandre Casimiro da Silva
  • Marcos Aguiar de Souza

Palavras-chave:

Fronteiras organizacionais, interações, ação interpessoal

Resumo

Com a ascensão da relevância atribuída às interações entre organizações, surgiram diversas pesquisas sobre fatores que contribuem, seja negativamente ou positivamente, para a fluência dessas interações. Os processos de terceirização, consórcios e joint-ventures tornaram mais valiosos os capitais investidos nessas áreas limítrofes das organizações e também mais oportuno o seu estudo. Sobretudo, quando se leva em consideração a natureza particular dos relacionamentos que se dão em ambientes de diferenças hierárquicas, étnicas e culturais. Dentre as pesquisas no tema, a maioria foi concebida em outros países e a verificação de seus resultados no meio nacional carece de investimento intelectual e operacional. O principal objetivo deste trabalho é verificar a aplicabilidade de uma pesquisa estrangeira em duas grandes organizações com características diversas, a partir de uma análise comparativa dos resultados da aplicação da mesma pesquisa em cada uma delas. A metodologia utilizada lançou mão de pesquisa conceitual no trabalho tomado como referência e exame do relacionamento entre ação interpessoal estratégica de redução de ameaça e confiança. Os resultados mostraram a orientação pela não aplicabilidade do questionário da pesquisa estrangeira da maneira como o mesmo está estruturado e sugeriram como possível sua adaptação, desde que leve em conta os traços culturais do brasileiro.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduardo Augusto Benedeti da Silva Siqueira

Possui graduação em Engenharia de Produção pela Universidade Federal Fluminense (2007). Está matriculado em 2010 no mestrado profissional em Gestão e Estratégia em Negócios da UFRRJ. Tem experiência na área de Administração de Empresas, com ênfase em Gerenciamento de Projetos Industriais.

Marcos Aguiar de Souza

possui mestrado em Psicologia pela Universidade Gama Filho (1995) e doutorado em Psicologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2003). Atualmente é docente do Departamento de Psicologia e do Mestrado Profissional em Gestão e Estragécia em Negócios, na Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Ensino e Aprendizagem na Sala de Aula, atuando principalmente nos seguintes temas: anomia, educação, autoconceito, ansiedade e gênero. Seu interesse está relacionado às transformações sociais e como tais mudanças terminam por influenciar modificações no comportamento individual, . Tal interesse tem sido explorado no contexto das relações de gênero; na educação e nos indicadores de qualidade de vida em indivíduos e grupos, sobretudo no contexto organizacional, com especial ênfase ao estudo transcultural.

Downloads

Publicado

2012-06-04

Como Citar

Siqueira, E. A. B. da S., Casimiro da Silva, A., & Aguiar de Souza, M. (2012). &lt;b&gt;Ação Interpessoal permeando fronteiras organizacionais – verificação da aplicabilidade no Brasil de uma ferramenta Norte-Americana de pesquisa&lt;/b&gt;. SINERGIA - Revista Do Instituto De Ciências Econômicas, Administrativas E Contábeis, 15(1), 9–22. Recuperado de https://periodicos.furg.br/sinergia/article/view/1584

Edição

Seção

Artigos