PAPILOMAVÍRUS HUMANO: UMA ABORDAGEM ATUAL

LUDMILA ENTIAUSPE, CARLA VITOLA GONÇALVES, RAÚL ANDRÉS MENDOZA-SASSI, ANA MARIA BARRAL DE MARTINEZ

Resumo


O desenvolvimento do câncer cervical e sua associação ao papilomavírus humano (HPV) estão fortemente evidenciados em estudos epidemiológicos, sendo o HPV o principal fator para a doença. A associação da infecção pelo HPV a outros co-fatores, como de comportamento sexual e socioeconômicos, mostram a importância de medidas preventivas e diagnóstico precoce dentro da rotina de serviços da saúde feminina. A prevalência da infecção por HPV em pacientes HIVpositivas é maior, permitindo que novas infecções por genótipos múltiplos do vírus agravem ainda mais a situação. Com a implementação da vacina que visa a imunizar mulheres contra a infecção por quatro genótipos de HPV, espera-se que haja uma diminuição significativa na prevalência da infecção por HPV e redução da incidência de lesões precursoras ao câncer cervical. Este estudo objetiva ressaltar que o conhecimento da extensão da infecção pelo HPV na população é fundamental para que estratégias de prevenção e controle adequados à realidade do serviço de saúde sejam propostas. Nesta revisão abordam-se as características microbiológicas e epidemiológicas da infecção pelo HPV, bem como seu potencial oncogênico.

Palavras-chave


Papilomavírus humano, fatores de risco, câncer cervical, mulheres HIV-1 infectadas, vacinas, Human papillomavirus, risk factors, cervical cancer, HIV-infected woman, vaccine

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.14295/vittalle.v18i2.7666

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Indexadores

PROPESQ

Indexadores

PROPESQ

Indexadores

PROPESQ

Indexadores

PROPESQ

Indexadores

PROPESQ

Indexadores

PROPESQ