<b>O tratamento dado aos resíduos sólidos pela administração do Porto do Rio Grande: uma abordagem relacionada à educação ambiental. </b>

Autores

  • Cristiane Gularte Quintana
  • Antônio Libório Philomena

Palavras-chave:

Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos, Educação Ambiental, Porto

Resumo

Esse trabalho busca analisar qual o posicionamento da administração do Porto do Rio Grande no que se refere à política do Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos (PGRS) em relação aos resíduos sólidos gerados pelos navios, e se existe a utilização dos conceitos de Educação Ambiental no momento da tomada de decisões de seus administradores. A pesquisa foi de cunho bibliográfico, buscando informações para obter um conhecimento sobre o assunto. Além disso, foi feita uma entrevista com o assessor do meio ambiente do Porto do Rio Grande para identificar a situação atual do Plano de Gerenciamento dos Resíduos Sólidos do porto. Ao final, observou-se que já existem procedimentos sendo realizados sobre a implantação de um PGRS no Porto do Rio Grande, mas o problema constatado é que existe uma carência de estratégias da administração em relação à Educação Ambiental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cristiane Gularte Quintana

Graduação em Administração Habilitação Empresas pela Fundação Universidade Federal do Rio Grande (1995).

Mais informações: Currículo Lattes

Antônio Libório Philomena

Ph.D Ecologia, Univ. Georgia, EUA.

Mais informações: Currículo Lattes

Downloads

Publicado

2011-06-28

Como Citar

Quintana, C. G., & Philomena, A. L. (2011). &lt;b&gt;O tratamento dado aos resíduos sólidos pela administração do Porto do Rio Grande: uma abordagem relacionada à educação ambiental. &lt;/b&gt;. SINERGIA - Revista Do Instituto De Ciências Econômicas, Administrativas E Contábeis, 11(1), 27–36. Recuperado de https://periodicos.furg.br/sinergia/article/view/590

Edição

Seção

Artigos