<b>Teste de hipótese para a diferença entre médias das remarcações dos preços de produtos componentes da cesta básica de consumo popular de Rio Grande</b>

Autores

  • Claudio Roberto Fóffano Vasconcelos
  • Marco Aurélio A. Souza

Resumo

Este trabalho procura testar a hipótese de que os preços dos produtos provenientes de firmas oligopolistas têm aumentado em maior proporção do que os preços daqueles produtos que se originam de setores mais competitivos da economia, como setores agrícolas e algumas indústrias beneficiadoras de produtos agrícolas. Utiliza-se nesta análise, como referencial teórico, a teorias de formação de preços de Mark-up de Kalecki (1993), e como instrumental estatístico o teste de hipótese para diferenças entre duas médias com dados emparelhados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-09-01

Como Citar

Fóffano Vasconcelos, C. R., & A. Souza, M. A. (2011). &lt;b&gt;Teste de hipótese para a diferença entre médias das remarcações dos preços de produtos componentes da cesta básica de consumo popular de Rio Grande&lt;/b&gt;. SINERGIA - Revista Do Instituto De Ciências Econômicas, Administrativas E Contábeis, 7(1), 17–21. Recuperado de https://periodicos.furg.br/sinergia/article/view/2196

Edição

Seção

Artigos