<b> A desterritorialização da pesca do Rio Grande a La Paloma: impactos da globalização no Mercosul</b>

Autores

  • Josimar Vanderley S. Borba
  • Roni de Azevedo e Souza

Resumo

O artigo trata da desterritorialização de capitais financeiros, humanos e tecnológicos na pesca marítima do Atlântico Sul, desde a cidade do Rio Grande (Rio Grande do Sul/Brasil) até a localidade de La Paloma (Cidade e Departamento de Rocha/Uruguai). Faz-se uma breve retrospectiva histórica dos processos de integraçãao da América Latina, desde a CEPAL até os tempos atuais com o MERCOSUL, onde está ocorrendo o citado processo de transposição como ao capital. O estudo aponta brechas no processo de integração regional, pois, mesmo em cenários escassamente avaliados (econômico, político, sócio-cultural), é possível reconhecer uma predominância das determinações do mercado em detrimento das pessoas e das culturas. PALAVRAS-CHAVE: desterritorialização, pesca marítima, MERCOSUL.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Como Citar

S. Borba, J. V., & de Azevedo e Souza, R. (2011). &lt;b&gt; A desterritorialização da pesca do Rio Grande a La Paloma: impactos da globalização no Mercosul&lt;/b&gt;. SINERGIA - Revista Do Instituto De Ciências Econômicas, Administrativas E Contábeis, 10(1), 63–70. Recuperado de https://periodicos.furg.br/sinergia/article/view/2129

Edição

Seção

Artigos