“Botar um roçado depois ir pro forró”: festa e trabalho na Serra da Gameleira (RN).

Autores

  • Flávio Rodrigo Freire Ferreira UNICAMP

Palavras-chave:

Festa de forró. Serra da Gameleira. Trabalho.

Resumo

O presente artigo objetiva compreender como festa e trabalho, informam sobre a organização social na Serra da Gameleira (RN). Apresenta-se a serra com suas divisões: Gameleira de Baixo, Gameleira de Cima e Chaves Belas. A seguir articulam-se as categorias de forrozeiros e roceiros na prática. É perceptível a importante relação existente entre “tempo de trabalho” e “tempo de festa”. Para uma melhor compreensão foi elaborado um calendário que articula essas dimensões. Por fim concluímos mostrando que o trabalho na serra, bem como as festas de forró, aparece como momentos propícios à cooperação entre as pessoas e aos encontros entre os diferentes grupos sociais no espaço da Serra.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávio Rodrigo Freire Ferreira, UNICAMP

Doutorando em Ciências Sociais (UNICAMP) bolsista do Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq)

Downloads

Publicado

2015-05-31

Como Citar

Ferreira, F. R. F. (2015). “Botar um roçado depois ir pro forró”: festa e trabalho na Serra da Gameleira (RN). Revista Brasileira De História &Amp; Ciências Sociais, 3(6). Recuperado de https://periodicos.furg.br/rbhcs/article/view/10443