<b>A História Comparada e suas vertentes: uma revisão historiográfica</b>

Autores

  • Carlos Eduardo da Costa Campos

Palavras-chave:

História Comparada. Marcel Detienne. Comparação construtiva.

Resumo

O historiador e arqueólogo francês Paul Veyne nos aponta a História Comparada como um importante aparato metodológico para as pesquisas históricas. O método comparativo seria um instrumento que nos possibilita enriquecer as nossas pesquisas, por ampliar o nosso conhecimento. Verificamos através dos estudos do pesquisador inglês Peter Burke que o método comparado teria entrado em voga na teoria social, durante o século XIX. Em História, notamos que há uma diversidade de vertentes referentes ao método comparativo, como o weberiano, o marxista, o tocquevilliano e o antropológico. Nossa proposta neste artigo será a de analisar as correntes que integram a História Comparada e enfatizar a proposta de Marcel Detienne.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carlos Eduardo da Costa Campos

É membro do Núcleo de Estudos da Antiguidade - UERJ. O referido pesquisador é Bacharel e Licenciado em História pela UERJ.

Downloads

Publicado

2012-06-01

Como Citar

Campos, C. E. da C. (2012). &lt;b&gt;A História Comparada e suas vertentes: uma revisão historiográfica&lt;/b&gt;. Historiæ, 2(3), 187–195. Recuperado de https://periodicos.furg.br/hist/article/view/2618

Edição

Seção

Artigos